Alberto Safra se envolve em problema ambien­tal

Alberto Safra//Reprodução

Após uma briga familiar que resultou em sua saída do banco Safra no segundo semestre de 2019, no qual era responsável pela área de empresas, Alberto Safra, de 39 anos, envolveu-se em um problema ambien­tal. Em abril, uma obra cortou o jundu que ficava na frente de sua mansão na Praia da Baleia, um dos pontos mais valorizados do litoral paulista. A ação revoltou vizinhos, inconformados porque supostamente essa mata servia de alimento para sabiás e tucanos, e gerou uma advertência da Polícia Ambiental. Procurado por VEJA, Alberto informou por meio de sua assessoria que o boletim de ocorrência foi lavrado contra o responsável pela obra. Além disso, prometeu acertadamente replantar jundu na área. Ele é um dos quatro filhos do banqueiro Joseph Safra.

O isolamento do país aos olhos do mundo, o chefe do serviço paralelo de informação de Bolsonaro e mais. Leia nesta ediçãoVEJA/VEJA

Publicado em VEJA de 3 de junho de 2020, edição nº 2689